Skip to content

A pandemia e a jornada segura para a nuvem

A pandemia e a jornada segura para a nuvem

E, de repente, os escritórios foram fechados e milhares de trabalhadores passaram a operar remotamente, isolados em suas casas.

No início, houve uma corrida para garantir que as estruturas domésticas de trabalho funcionassem sem acrescentar (muita) vulnerabilidade às empresas.

A segunda onda, que estamos vivendo agora, surge da sobrecarga de colaboradores acessando os ambientes das empresas de fora para dentro.

São muitas as empresas que ainda mantêm seus servidores fisicamente nos seus escritórios. O que elas têm reportado é a lentidão e às vezes impossibilidade de acessar arquivos e aplicações, dada a quantidade de acessos simultâneos.

Além disso, o isolamento impede o acesso de toda a equipe aos escritórios. Toda é toda! As restrições incluem técnicos para fazer o backup, ajustar os servidores ou o firewall para o aumento de demanda, dar suporte ao ambiente e até verificar se o sistema elétrico e o ar condicionado, que estão funcionando 24/7, estão em ordem.

A boa notícia é que estas empresas estão conseguindo migrar rapidamente e com toda segurança seus ambientes para a nuvem. Acreditamos que a transformação inesperada imposta pela pandemia vai tornar as empresas mais seguras, eficientes e adaptáveis.

Categorias

Tecnologia